segunda-feira, junho 26, 2006

Klimt


Eu gosto da pintura, não gosto do filme! ainda que dormitando, o que vi...adormeceu-me.
E, aí estão os gostos a funcionar. Eheheh

2 comentários:

Anónimo disse...

gostei....do filme...da fotografia...dificuldades no texto por cabeças não permitiram ler.
Entre o real palpavel e o real construido pela nossa mente...tantas dimensões tantos mundos em paralelo..dificuldades de se entender ...afinal quem tem a ilusão que compreende o que se passa dentro de si?
airam

borboleta disse...

O que eu achei?
Filme, em termos "estéctico-visuais" lindo de se ver, mas muito chato pq mal construído. Só quem realmente conhece muito bem a vida e sobretudo a obra de Klimt, consegue disfrutar do enredo. Há pormenores, como foi o plano das cadeiras preto e branco (por sinal bem bonito) que só fazem sentido se soubermos o significado dessas cores para o Klimt e os secionistas (nem sei se é assim que se escreve e só vim a perceber isso qdo cheguei a casa e fui informar-me). Enfim, podia ser um filme bem mais interessante.