domingo, abril 08, 2007

Cartografia de Emoções




Páscoa...tempo de colocarmos a nós próprios algumas questões fundamentais sobre o que andamos por cá a fazer. E como a partilha é uma forma de estarmos juntos, querida Maria, aqui vai, directamente da "Cartografia de Emoções" de Nuno Júdice. Obrigada!



Filosofia


Mas o que queremos da vida? É a vida? O que se procura em cada segundo para se perder em cada segundo? O tempo, assim de nada nos serve.
Um dia, dando por nós próprios, perguntamo-nos o que fizemos, por onde andamos, as cidades e casas que percorremos, sem que uma resposta nos satisfaça. A vida, então, limita-se a ser o que fez de nós, sem que o tenhamos desejado, e nada pode ser feito para voltar atrás, nem para restituir os passos trocados de direcção, as frases evitadas no último extremo, o olhar que se desviou quando não devia. Ah, sim – e o amor? É isso que queremos da vida? É verdade: cada um dos abraços que se deram, contando cada instante; o rosto lembrado no auge do prazer, quando um súbito sol desponta dos seus lábios; os cabelos presos nas mãos como se delas prendesse o feixe da eternidade….Assim, a vida poderá ter valido a pena. É o que fica: o que nos foi dado e o que damos, sem que nada nos obrigasse a dar ou a receber; o puro gesto do acaso na mais absoluta das obrigações. Então, volto a perguntar: que outra coisa queremos da vida?

Nuno Júdice in Cartografia de Emoções




2 comentários:

Joao Soares disse...

Olá,Inês
Nuno Júdice e outras postagens tão belas....Que bom ver jovens crescendo com poetas, músicos e escritores intemporais:)
Já tens um link nos Amigos do Bioterra.
Um abraço
João Soares

ines disse...

Olá Jorge!
Esta jovem de 39 anos também gostou muito dos "Amigos da Terra". Também nós somos um grupo de amigas que amam a terra, o mar e o céu e o ar. Vamos ter todo o prazer em divulgar o teu blog. Um abraço de sol e de Mar