quarta-feira, dezembro 28, 2005

as deusas gostam deste escultor

Carlos Marques (1948)Modelo feminino (Prova de Agregação), 1986Gesso131 x 53 x 38 cmN.º Inv. 99.3.101

Nasce em Coimbra, a 8 de Abril de 1948. Vive no Porto desde os 13 anos. Frequenta o Curso de Pintura da Escola de Artes Decorativas Soares dos Reis, concluindo a Secção preparatória para os cursos de Pintura e Escultura das Escolas Superiores de Belas Artes em 1967. Em 1967/68 obtém uma bolsa da Fundação Calouste Gulbenkian. Em 1973, parte para Milão para estudar no Instituto Técnico Internazionalle Arte Calzaturiera Ars’ Utoria, design de calçado. Concluído este curso, ingressa na ESBAP, no Curso Complementar de Escultura que conclui em 1975. Assistente de Escultura desde 1977, presta provas para Professor Agregado em 1986, data a partir da qual é 1º Assistente. O Modelo Feminino constitui a prova de Modelo Vivo apresentado no concurso de agregação. Em 1987 é membro do Conselho Directivo da ESBAP, sendo dois anos mais tarde co-fundador da Escola Superior de Artes e Design de Matosinhos (ESAD). Desde 1978 tem vindo a realizar cenografias para vários programas da RTP. Em 1984 foi-lhe atribuído pela Sociedade Nacional de Belas Artes o Prémio Anual de Investigação Escultura 83. Expõe individualmente desde 1982. Professor Associado da FBAUP desde 2000.

3 comentários:

castanha disse...

Prova do reconhecimento pelo carinho do escultor, as Deusinhas reclamam um simbolo em prata oxidada para porem ao pescoço.
castanha

airam disse...

"sonha-se eterno o mármore e suspende
Na alvura paralisante da beleza
A chama nua de uma adolescente
Que corre infinitamente para a deusa "-Natália Correia

borboleta disse...

Não esquecer que "por trás de um grande homem está sempre uma grande mulher". PARABÉNS aos 2!